Sarney, meu cartão é branco é da paz.




















“Meu cartão é cartão branco, é o cartão da paz”,
afirmou Sarney nesta quarta-feira no senado, fazendo uma
clara referência ao gesto de Eduardo Suplicy (PT-SP) que
mostrou um cartão vermelho para ele nessa terça-feira (25).